Páginas

[Resenha] Alriet: Quando o amor acontece - Grazi Fontes


Título: Alriet - Quando o amor acontece
Autora: Grazi Fontes
Ano: 2016
Páginas:301
Editora: Kindle Amazon




Sinopse: 

ALECSANDER, um rapaz tímido que tem dificuldades em se aproximar de garotas. HARRIET, uma garota destemida, alegre e nem um pouco tímida, mas muito desastrada e solitária, pois praticamente passou toda a infância viajando.

Um encontro inesperado se transformou em uma grande amizade que já dura há anos. São confidentes e o suporte quando um deles cai. Praticamente não vivem um sem o outro. Sempre encontram uma maneira de manter contato. Seja por e-mail, mensagens e telefonemas. O importante é a amizade nunca desaparecer.

Até que, algo completamente extraordinário acontece, após 6 anos de amizade, o amor chacoalha a estabilidade que eles têm, precisam decidir se querem vivê-lo e correr o risco de destruir tudo o que construíram juntos durante todo esse tempo. Ou esconder o que sentem um pelo outro para não correr o risco de perder o que demoraram para conseguir, a amizade.

Alriet é uma encantadora história sobre amor e amizade que vai mexer com seu coração.


O livro se passa em Bruxelas e se começa no ano de 2009 e termina no ano de 2014. Ele começa com a história sendo narrada por Alec em sua casa comemorando seu aniversário de 17 anos, uma coisa que o Alec não gostava de comemorar, mas deixava sua mãe organizar as festas já que era somente ele e a mãe. O pai dele havia morrido anos atrás.

Esse era o ultimo ano no colégio para Alec e ele estava satisfeito por isso, pois ele não era uma pessoa muito sociável. Ele se dava essa atitude por ter um jeito diferente de se vestir e por ser uma pessoa muito alta, andava de forma desengonçada.

Desde que começaram as aulas, já tinha se passado 3 semanas, e Alec decidiu que iria enforcar a aula naquele dia. Ele pegou a sua mochila e enfiou nas costas e saiu escondido da sala. Ao sair depressa da sala para ir em direção a árvore em que gostava de ficar passando o tempo na escola ele bate em alguma pessoa e a faz cair no chão, derrubando todo o seu material.

Ao olhar para ver em quem ele havia esbarrado, ele se depara com uma menina de cabelos vermelhos enferrujados e encaracolados, que se chamava Harriet. 

O segundo encontro entre Harriet e Alec só acontecesse duas semanas depois do "acidente", onde Harriet vai a procura do misterioso menino desengonçado. A partir daí a amizade entre eles se inicia.

Alguns anos se passaram, e como toda amizade tem seus altos e baixos. Com Alec e Harriet não seria diferente. Harriet decide fazer faculdade, Alec se inscreve para tocar em uma banda e é aceito. Eles se relacionam com outras pessoas, começam a namorar, terminam e muitas das vezes ficavam sem se falar, pois o tempo deles estavam cada vez mais escasso. Quando isso acontecia, eles logo davam um jeito de se ver.

Mais um tempo se passou e Alec e Harriet tiveram alguns namoros, mas nenhum deles com um futuro promissor, muitas das vezes eles estavam com as pessoas, mas sentiam que estava faltando alguma coisa neles. Até que um certo dia, eles perceberam que o que eles estavam procurando nas outras pessoas estavam um no outro, mas isso era um problema para eles, pois iriam por em risco a amizade que eles construíram durante anos, 

Será que Alec e Harriet vão deixar de lado esse medo e por tudo em risco por um grande amor?


Minha opinião sobre o livro: 







Ao ler a sinopse do livro logo pensei que ia ser mais um daqueles romances adolescente que no final ta tudo certo e fim. Mas me enganei bonito. Como disse a história se passa em Bruxelas, o que me surpreendeu pois como todo mundo sabe a maioria dos escritores preferem sempre colocar a história em Nova York. Um ponto pra Grazi por isso!

A segunda coisa  que me encantou ao ler o livro é que ele se passa de 2009 a 2014, uma forma diferente de muitos livros, pois você consegue ver os personagens amadurecer durante os anos que se passa. 

A terceira coisa foi a forma como a autora teve o cuidado de escolher as cenas onde se tinha uma música para o momento que estava se acontecendo. Eu juro que quando eu via a música, corria pro youtube, pra ler cena com ela de fundo...rs

Agora falando um pouco sobre a minha opinião sobre os personagens: Eu juro que se eu tivesse a oportunidade eu matava o Alec com frequência! E dava uns tapas na Harriet pra ver se ela dava um gelo beeemmmmm gelado no Alec. 

Em geral a escrita é simples e é um livro que te prende do início ao fim. Tem momentos que me emocionaram, sim eu chorei com pena da Harriet, e teve momentos que me deu raiva dela! Um turbilhão de emoções para o leitor.

Ele entrou como meus favoritos, pelo fato de que ele traz um ponto forte no livro: Até onde você se arrisca pra viver uma grande história de amor?

Então é isso galera. Espero que tenha gostado a resenha e até a próxima! 



11 comentários:

  1. Olá,

    Ultimamente tenho visto muito a capa desse livro, só li alguns comentários, essa é a primeira resenha que leio sobre e fiquei bem empolgada com essa premissa. Adoro livros românticos, ainda mais quando eles são tão fofinhos quanto esse parece ser. Não conheço a autora, mas estou bem empolgada para conhecer a escrita dela.

    ResponderExcluir
  2. Adoro livros que retratam amor entre amigos, pessoas que se conhecem a muito tempo e percebem que na verdade se amam.
    Senti que faltou algo mais, para que eu me interessasse por completo pela história. Mas gostei mto da sua resenha.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Fran. Tudo bem?
    Então, falei que viria aqui comentar. Demorei, mas aqui estou eu.
    Eu fiquei emocionada com sua resenha. Adoro ver a forma como você vê a história. Geralmente, as pessoas vêem de forma diferente e essa é a melhor parte nessa vida de escritora. A forma que a história é recebida e absorvida.
    Obrigada por me fazer chorar com essa resenha e, agradeço mais ainda, pela oportunidade que você deu a Alriet.
    Um beijo enorme.

    Grazi Fontes

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem? De fato a sinopse parece ser uma história BEM clichê. Mas vi pontos bons que podem deixar essa questão de lado. Vontade de matar alguma personagem sempre temos haha Adorei, ainda mais sabendo que se passa por vários anos. Adorei!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Tenho esse livro no meu Kindle e não fazia ideia do que se tratava, pois tinha comprado apenas pela capa rs.
    Adorei ler sua resenha e fiquei contente com o que encontramos na história, esse período de tempo que se passa é bem interessante e fiquei contente que os personagens amadurecem. Vou super anotar a dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Meninaaa, que amor esse livrooo! <3
    A premissa dele e toda lindaaa. Não o conhecia, mas após ler mais sobre a história e sua opinião fiquei encantada e com muuuita vontade de realizar a leitura.
    Dica anotadíssima! Já adicionei ao Skoob. ;)
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  7. Hey!

    Eu não conhecia o livro, me encantei logo pela capa (é um arraso), a sinopse é bem atrativa também, trás a vontade de ler. Sua resenha me aguçou ainda mais para a a leitura, parabéns.

    Bjos.

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Não conhecia o livro e achei muito fofo a história, éo tipo de história que eu devoro! Acho tão lindo amores que começam com uma simples amizade, mesmo correndo o risco de dar algum problema. Mas acredito que vai ter um final feliz r.. ou colocar na lista de desejados e espero ler!

    Beijos!
    https://blogdatahis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Aiii, o livro parece ser bem fofo, justamente porque tem uma época específica como você comentou e por se passar em um local diferente o que eu gosto mais do que cidades daqui, por incrível que pareça, mas adoro. E é um tema bem legal, porque também já passei por isto.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
  10. Oiee, tudo bem? Amei a resenha e conhecer esse livro lindo. Amo ler romances, e esse parece ser uma fofura só. Já quero conferir e anotei sua dica! Sobre os personagens, espero gostar deles, e não ter vontade de bater neles assim com tanta frequência hahahha.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Acho que só eu tenho problemas com esses nomes de casal em que as pessoas juntam os nomes dos envolvidos... Hehe... Olha, fiquei em dúvida aqui sobre ler ou não... Ao mesmo tempo que tem vários pontos positivos, tem essa questão de que você quis matar o protagonista e num romance isso me irritaria de um jeito absurdo.

    ResponderExcluir