Páginas

[Resenha] Refúgio do Marquês - Lucy Vargas


Sinopse


"Agora você é meu refúgio e, com certeza, o mais belo". 
Henrik e Caroline não poderiam ser mais diferentes. 
Ele, o Marquês de Bridington, é um homem selvagem e inapropriado, que vive há anos no campo, fugindo dos fantasmas do seu passado obscuro e repleto de segredos. 
Ela, Caroline Mooren, a Baronesa de Clarington, é uma jovem destemida, com um passado doloroso, que recebe a missão de reformar a mansão e talvez o marquês, ao menos é o que a marquesa viúva espera. Ele é um caso perdido. Ela é uma mulher com um futuro incerto. Mas juntos, eles se completam e acendem a chama da paixão, que ambos acreditavam estar completamente extinguida, trazendo à tona segredos e temores que ambos escondem. 
Se reerguer sob o peso do passado será uma batalha que ultrapassará os limites do refúgio que o marquês pensa ter construído, mas será que o amor é capaz de ultrapassar tantas barreiras e vencer, ou eles perderão tudo outra vez?



Caroline Mooren, uma jovem que se casou contragosto com um barão que armou tudo para que esse casamento acontecesse. Depois de um tempo ele vem a falecer de morte súbita e deixando Caroline falida.Depois de um ano de luto, Caroline recebe uma carta de uma parente muito distante que a convoca para comparecer em sua casa para as duas conversarem..... 


A Marquesa Hilde Preston, esta decidida a levar Caroline para Bright Hall, com o intuito de reformar a casa do seu filho, o marquês e deixá-la de modo em que ela possa ficar digna de visitas novamente. Já Caroline esta indecisa com a proposta, mas sabendo que não tem nada a perder, decide aceitá-la. Já que seu falecido marido, a deixou com uma mão na frente e outra atrás.

Henrik, o marquês de Bright Hall, um homem triste e solitário, que possui segredos que tormentam a sua vida. Preso a um casamento indesejado, ele vive refugiado em suas terras e vive de uma forma totalmente antiquada para aquela época, como fazendo trabalho braçais e cuidando do campo como se fosse um camponês.

O marquês é pego por uma convidada nada desejada em sua casa. Ele tenta mandá-la embora, mas todas as suas tentativas são frustadas, pois Caroline esta determinada em deixar Bright Hall habitável novamente e colocar um pouco de educação no marquês 

Caroline conhece a adorável filha do marquês, Lydia. Uma criança meiga, esperta e carinhosa, mas que é rejeitada pela sua mãe, Roseane, que atormentam a todos que chegam e moram em sua casa. 

Roseane, esposa de Henrik. Uma mulher doente, que vive trancada em seu quarto. Ela é uma pessoa neurótica, onde acha que seu marido ainda possui um caso amoroso. 

Os dias passam, e as mudanças que Caroline faz na casa começam a surtir efeito. Henrik começa a aceitar Caroline em sua casa e aos poucos em seu coração também. Mas será que o marquês  deixará o passado de lado e tentará ser feliz mais uma vez?


Minha opinião sobre o livro:

Para quem gosta de romance de época é um livro encantador e que a cada página que você lê fica cada vez mais apaixonada pela leitura. Não dá vontade de parar em um só minuto! Aquele tipo que te vicia!

Uma estória arrebatadora! Com uma escrita simples e gostosa de se ler. Dá pra se perceber que a escritora teve um cuidado e tanto com a época, o tipo de linguagem, nas vestimentas dos personagens e em cada objeto e até a cor de parede que era utilizado naquela época.

O Henrik era um tipo de personagem que dava vontade de bater nele, mas que se eu fosse daquela época com certeza me apaixonaria por esse marquês selvagem, mesmo sendo antiquado!

Caroline é uma personagem que gostei bastante. Pois não era uma daquelas mocinhas chatas, que ficam fazendo um drama danado, que as vezes dá vontade de esganar!

Mas pra mim a personagem que mais eu gostei, foi a Marquesa! Hilde foi demais com as suas piadinhas e seu toque sutis!  Não poderia deixar de comentar dela, pois todas as vezes que ela aparecia no livro, era um momento descontraído e gostoso do livro!

Esse é um dos livros que você que é apaixonada por romance de época pode comprar quem não vai ser arrepender! 

E se você quiser saber mais um pouco da Lucy Vargas segue abaixo o site dela. Lá você vai encontrar sobre os seus livros e novidades que vem por aí! 








6 comentários

  1. Oii, tudo bem?
    Estou louca para ler esse livro, pois só ouço maravilhas sobre ele, ainda não li nada da Lucy.
    Amei o post, parabéns.
    Bjs da Mary
    http://leiturasdamary.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se vc gosta de Lisa Kleypas ou Julia Quinn, com certeza vc vai gostar do livro da Lucy Vargas, A estória é bem envolvente.

      Bjus Mary!

      Excluir
  2. Oi flor!
    Eu amo livros de época, tenho uma penca, to bem curiosa com esse da Lucy e da edição da Charme!!! Parabéns pela resenha, tmbm indico Julian Q. e Lisa K. como diva de época! Beijos
    Paulinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoroooooo Lisa Kleypas! Tenho toda a coleção dos Hathaways! Julia Quinn tbm! Elas são simplesmente demais! Amo!!! *_*

      Excluir
  3. Oie!
    Simplesmente amo esse gênero literário! Mas infelizmente quanto mais lemos mais repetitivos os livros vão se tornando por conta fos clichês do gênero. Mas os seus comentários me fizeram ver a autora soube evitá-los ao máximo, tornando a leitura divertida.....mais im livro pra lista dos que quero ler!!!!
    Abraços,
    Elaine
    Caminhando Entre Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Admito que as vezes me enjoa tbm...então pra isso não acontecer eu leio um romance de época, um atual, fantasia, de vampiros, suspense. Pra não ficar na mesmisse, sabe.

      Obrigado pela a sua visita e volte sempre! :)

      Excluir

Topo